NOSSA FAN! CURTA E CLIQUE

Arqueólogos afirmam ter encontrado pedaço da cruz de Jesus

De acordo com o Daily Mail, os arqueólogos encontraram uma espécie de estojo no local da Igreja Balatlar de 1.350 anos, em Sinop. Dentro do relicário há o que os arqueólogos acreditam serem as razões para ser a cruz de Jesus.
O objeto poderia ser parte da lenda na qual Helene Augustus, a mãe de Constantino, teria viajado para Jerusalém para encontrar a cruz. A lenda diz que Helene teria encontrado os três madeiros da crucificação da época.
Para identificar a cruz de Jesus, Helena teria levado uma moça morta, a qual ela a pôs em contato com a base das cruzes. A moça teria, então, ressuscitado ao tocar uma das cruzes, esta então foi atribuída a Jesus.
Segundo a lenda, a cruz teria sido descoberta em 325 AD e partes delas teriam sido enviadas para líderes religiosos em Roma e Constantinopla. Daí a explicação de porque estaria a peça na Turquia.
A escavação foi conduzida pelo Professor Koroglu. Ele e sua equipe começaram a trabalhar no local da Igreja Balatlar, em 2009. Através das escavações, mais de 1000 esqueletos foram encontrados.
Diversas relíquias de supostas partes da “Vera Cruz”, ou pregos utilizados na crucificação foram encontrados por igrejas.
Especialistas dizem que se todas as relíquias encontradas fossem colocadas juntas não representariam um terço da cruz. Acredita-se que a cruz teria cerca de 3.6 metros de altura. Isso sugere que outras partes ainda faltam para serem encontradas e acredita-se que as partes restantes da cruz estejam em Jerussalém.

 NP- A GENTE NÃO PARA! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícia Pentecostal agradece o contato! Curtam nossa Fan Page! A paz...